Fio dental

Vantagens do uso do fio dental.

Ao contrário do que muita gente pensa, o fio dental não serve apenas para retirar restos de alimentos entre os dentes. Ele tem outra função muito importante: remover o biofilme, uma camada invisível de bactérias que se forma em locais onde a escova de dente não alcança.

Leia o artigo na íntegra em: https://noticias.uol.com.br/saude/publieditorial/colgate-2016#/2016/colgate/tudo-sobre-o-uso-e-as-vantagens-do-fio-dental-esse-aliado-indispensavel-da-sua-saude/ .

Compartilhar:

Fio dental pode não ser tão eficaz quanto se pensava, dizem estudos.

Após ler um dos posts de um portal, onde um grupo de pesquisadores afirma não ser tão importante o uso do fio dental para manutenção da saúde bucal, nos trás há um retrocesso de informação e conduta.

O post coloca o uso do fio dental em terceiro lugar e valoriza as escovas inter dentais como segunda colocada em uma sequencia onde a escova comum é a primeira na ordem da higiene diária.

Chegam a afirmar que apenas duas escovações diárias são suficientes para uma boa saúde bucal.

Bom, não caiam nessa!

Um dos pilares de uma boa saúde bucal é o uso do fio dental. Eu particularmente indico a fita dental e com ela se inicia a higiene, após seu uso e se indicado, as escovas inter dentais, unitufo, bitufo e por último a escova comum. Há ainda outras escovas dentais para casos pontuais, indicadas para pacientes com próteses, problemas gengivais, patologias orais, pós-cirúrgicas dentre outras.

A assiduidade do controle da placa deve continuar o mesmo, após as alimentações e obrigatoriamente antes de deitar-se.

O uso dos enxaguantes bucais também deve ser mantido, com a indicação do profissional que conhece a sua necessidade.

Se tiverem curiosidade sobre o post citado, segue o link: http://www1.folha.uol.com.br/equilibrioesaude/2016/08/1798695-fio-dental-pode-nao-ser-tao-eficaz-quanto-se-pensava-dizem-estudos.shtml .

Compartilhar:

Fio dental Johnson & Johnson REACH® Expansion PlusTM.

Trata-se de um artigo sobre o fio dental Johnson & Johnson REACH® Expansion PlusTM onde o fabricante informa através de um estudo que mostra a forma de ação desta marca e tipo de fio dental.

Há no mercado inúmeras marcas e tipos de fios e fitas dentais. Alguns destes modelos e marcas têm especificidades que servem, ou melhor, tem indicação para um tipo de boca.

O que é tipo de boca?

É a condição dentária atrelada a condição das reabilitações que cada paciente tem em sua boca. É fundamental que o profissional indique quais os melhores apetrechos para higiene bucal que cada paciente necessita. E creiam, há uma variedade bastante razoável de produtos para prevenção.

Segue o link do artigo completo: http://www.conectfarma.com.br/clientes/fiodental.pdf .

E não se esqueça: E não se esqueça: https://www.edutavares.com.br/2011/05/quando-devo-trocar-a-escova-de-dente/.

Compartilhar:

Fio dental Oral B Pró-Saúde.

A linha de produtos Oral B Pró-Saúde inova ao lançar um fio dental com muita qualidade. 

Ele está classificado como fio dental, mas tem o formato de fita. Suas principais características são: 

1.>Textura macia e  formato tipo fita que desliza facilmente entre os dentes aumentando a área de limpeza; 

2.> Tecnologia PTFE (teflon) que o faz mais resistente ao desgaste; 

3>Superfície micro texturizada que ajuda a remover efetivamente a placa. 

Há duas coisas que me chamaram a atenção como usuário de fio e  fita dental, este modelo tem muita resistência para desfiar e há um visor na parte da frente que permite monitorar quanto falta para terminar o fio.

Compartilhar:

Fio dental clareador.

A Johnson&Johnson lançou no mercado o fio dental Clean Paste Whitening que possui em sua composição uma substância removedora de manchas. Este componente é a sílica, substância muito comum nas pastas clareadoras.

Este fio dental, além da função de remover a placa bacteriana,  remove manchas nas áreas interdentais, onde a escova não alcança. Estas áreas invariavelmente ficam pigmentadas por líquidos e alimentos consumidos.

É importante salientar que a sílica é um abrasivo, portanto, causará algum desgaste com o uso prolongado.

Veja o produto em : http://www.jnjbrasil.com.br/apresentacao_produto_detalhe.asp?produto=508

Compartilhar:

Cuidados com os apetrechos pra higiene bucal.

Como se sabe, os ambientes mais propícios para proliferação das bactérias são quentes, úmidos e abafados, situação presente na boca.


 
Os cuidados com os apetrechos que você usa para manter sua saúde bucal, também são importantes. Há pelo menos 900 espécies de bactérias capazes de sobreviveram até 24 horas sob as cerdas das escovas dentais, multiplicando-se e entrando em contato novamente a cada escovação feita.


 
Desta forma estamos propiciando uma maior ocorrência de doenças bucais como cáries, doenças ligadas à gengiva e lesões na mucosa. As pessoas tem pouco cuidado na forma em que guardam e mantém suas escovas dentais. Com o fio dental tem-se menos problemas já que ele acaba sendo descartado após o uso, mas cuidados com a embalagem também merecem atenção. Os colutórios bucais, da mesma forma, devem ser usados corretamente. Nada de ficar colocando a tampa do produto na boca e devolvendo-a para o frasco.


 
Dicas para manter seus apetrechos de higiene bucal mais seguros e limpos:


 
1.> A escova dental deve ser lavada após o uso com água corrente, batida na pia para eliminar o excesso de água e borrifada na parte das cerdas com algum agente antimicrobiano, como os colutórios bucais. Há algum tempo tem sido usada à solução de clorexidina a 12 % para assepsia de diferentes utensílios. Após isso, seca-se a escova com papel descartável e acondicione-a em um armário que esteja também livre de umidade e sujeira. Já começa a aparecer no mercado escovas com agentes antimicrobianos nas cerdas, o que garantiriam uma maior segurança. É claro que, ao primeiro sinal de manchas ou algo diferente na escova, se deve trocá-la, lembrando que é obrigatória a troca da mesma em até três meses.


 
2.> O fio dental deve ser retirado da embalagem com as mãos limpas e em seguida fechada a tampa. Deve-se ter cuidado para não deixar entrar água dentro da caixa. Nem deixar beiradas de fio dental do lado de fora da embalagem.


 
3.> Os colutórios para bochecho tem a famosa tampa que a maioria das pessoas usa não só como dosador, mas como meio de transporte do produto à boca. É prático, sem dúvida alguma, mas não é correto. Devem-se ter uns copos pequenos, descartáveis, e usá-los para levar o liquido até a boca. 

 


Tem um fato importante a lembrar, em conversa com um paciente, ele relatou que foi a uma churrascaria famosa em São Paulo, onde se sentiu à vontade para usar  o colutório para bochecho em galão, disponível aos clientes, com os devidos copos descartáveis no banheiro. Nada disso, sabe-se que coliformes fecais, principalmente após o uso das descargas “voam” por toda a proximidade do vaso sanitário, podendo contaminar tudo a sua volta. Isso serve não só para os lugares públicos, mas também para nossas casas. O assunto pode parecer desagradável, mas é sério.


Compartilhar: